15 49.0138 8.38624 1 1 6000 1 https://www.eugutodias.com 300 true 0

AmBHulantes #3 ocupa rua da Zona Leste de BH

0 Comentários
Compartilhe por aí

Além do cortejo de bicicletas, programação inclui Gaymada, shows com Laura Sette e Paige Williams e bate papo sobre mobilidade urbana com a Gabinetona

Dando continuidade à sequência de encontros em 2019, a terceira edição do AmBHulantes vai ocupar a boêmia zona leste da cidade. No dia 17 de agosto, os ciclistas saem do já tradicional ponto de encontro no Pompéia para ir até a rua Conselheiro Rocha, no Santa Tereza.

AmBHulantes Girls Nite

Foto: divulgação / Girls Nite (Bárbara, Soft Soup e Iza)

Desta vez, o percurso do ciclo-cortejo musical será mais curto, apenas 4 km, e quase todo feito em ciclovias. No Santê, a programação musical fica por conta das mulheres: o público vai curtir shows das cantoras e compositoras de BH, Laura Sette e Paige Williams, e som na pista com as deejays Girls Nite (Soft Soup, Bárbara e Iza).

AmBHulantes

Foto: divulgação / Live painting

Como nas outras edições, o AmBHulantes apresenta live painting com artistas selecionados pelo Museu de Rua, feira de produtores locais e outras intervenções urbanas.

A Gaymada é o encontro esportivo da vez. Voltado para a luta da comunidade LGBT, o Campeonato Interdrag de Gaymada é uma intervenção urbana que propõe um espaço de convivência entre diferentes corpos, a partir do tradicional jogo de queimada.

AmBHulantes gaymada

Foto: divulgação / Gaymada

Na dinâmica entre as partidas e os intervalos, o coletivo apresenta ao público performances e manifestos coletivos que compõem a espetacularidade do ato. Desde 2013, o coletivo de arte-ativistas Toda Deseo conduz as atividades.

Os times são formados de maneira espontânea, sem distinção de idade, classe social, etnia e, principalmente, identidade de gênero ou orientação sexual.

A partir das 11h30, todos podem participar de um bate papo sobre mobilidade urbana. Em uma roda de conversa mediada pelo BH em Ciclo, representantes da start up Yellow e da Gabinetona debatem sobre mobilidade, a partir do plano diretor de Belo Horizonte, sobre a situação dos trabalhadores ambulantes da cidade e sobre as bicicletas compartilhadas.

Para quem não sabe, a Gabinetona reúne 4 parlamentares, eleitas pelas Muitas/PSOL, em um mandato aberto e popular: a deputada federal Áurea Carolina, a deputada estadual Andréia de Jesus e as vereadoras Cida Falabella e Bella Gonçalves.

 

Parcerias

Assim como na segunda edição, que ocupou uma rua no bairro da Serra, o AmBHulantes vai contar com a parceria da Yellow.

Pessoas que não possuem bicicletas e têm vontade de participar do cortejo musical, podem usar bicicletas e patinetes da Yellow sem custo algum. O uso está liberado tanto na ida quanto na volta, ao final do evento.

AmBHulantes Yellow

Foto: divulgação / Yellow

Outra parceria que deve se repetir é a participação de vendedores ambulantes, que fazem uso de bicicletas ou carrinhos de rua e têm a atividade como principal fonte de renda.

Desde a sua concepção, o AmBHulantes tem a intenção de reunir esses trabalhadores e chamar a atenção para a importância do trabalho que fazem, no contexto urbano.

Shows

Duas artistas de destaque em BH se apresentam nesta edição do encontro. Laura Sette traz pro público uma viagem entre o mundo do rap e do funk.

A artista se destaca pela performance e a maneira com que cativa em diferentes ritmos. Mesclando a vivência das ruas e a elegância de um bom Jazz, Laura traz emoções e ideias fortes em suas músicas.

AmBHulantes Laura Sette

Foto: Lucas Chagas / Laura Sette

Cantora, compositora e musicista, Ana Bárbara, conhecida como Paige Williams, mistura música popular brasileira com R&B dos anos 90’.

Dona de uma voz doce e marcante, se destaca por suas habilidades com dança e presença de palco. Reconhecida nacionalmente, Paige já fez diversas parcerias, como na música “Corra”, do Djonga. Aos 20 anos, lançou Afronte, seu primeiro trabalho solo.

Tecnologia e inovação

O AmBHulantes é um encontro cultural que transporta toda a sua estrutura de bicicleta e convida o público a pedalar por ruas de BH, reimaginando a forma de se relacionar com a cidade. Criado para ser uma experiência itinerante e idealizado pelo produtor cultural Luiz Valente, o AmBHulantes tem como base a interatividade e a construção coletiva.

Módulos inteligentes, personalizados e compactos o suficiente para serem transportados por bicicletas criam, juntos, a estrutura necessária para a realização do evento.

AmBHulantes

Foto: divulgação

O Auto Sound System, um sistema sonoro autônomo itinerante que gera energia por meio de placas solares e geradores de força motriz a pedaladas, é usado para amplificar o som da festa.

As carretas sonoras do Bloco da Bicicletinha se somam ao paredão de som, que também cresce com a ajuda de radinhos de pilha, levados pelos ciclistas e sintonizados na frequência FM transmitida a partir das pick-ups dos Djs.

Já as Bicirangos são food bikes que aproveitam a força das pedaladas para bater sucos e drinks e ajudam a matar a sede do público, assim como a bike beer da Growleria de Arte.

Outra característica do AmBHulantes é que parte da energia do evento é gerada por tecnologias renováveis como painéis solares, baterias e geradores a pedaladas.

“Eu gosto de inventar coisas e um projeto como este mantém a minha cabeça funcionando. Eu penso: o som já é legal, mas está faltando nota grave, então temos que criar uma bicicleta com um sistema de som grave para atender a essa demanda. Ou então: vai ter show e precisa de um tablado, então vamos desenvolver uma bicicleta palco. No lugar de carregar uma carretinha com tudo, a gente cria módulos”, comenta Luiz.

Encontros em 2019

Em 2019, o AmBHulantes será dividido em cinco edições. Todas terão formato semelhante: começam com um cortejo musical guiado por ciclistas, que segue até uma praça, rua ou parque da cidade.

No fim, o evento termina com mais um pedal musical, que faz o caminho de volta ao ponto de encontro, o galpão da Fósforo Cenografia, onde uma festa convida o público mais animado a dançar até a madrugada.

Os percursos são sempre pensados para incluir a todos: pessoas que não estão acostumadas a circular de bicicletas pela cidade, famílias com crianças e os cadeirantes, que terão acesso a uma bike-cadeirante, oferecida pela organização.

Cada edição será realizada em uma regional diferente de Belo Horizonte: a primeira ocupou a região oeste, a segunda foi na Centro-sul; Noroeste, Leste e Pampulha serão contempladas nas próximas.

Serviço:

AmBHulantes #3 – Zona Leste

Atrações: Gaymada, shows com Laura Sette e Paige Williams, DJs Girls Nite (Soft Soup, Bárbara e Iza), DJ Confusa, bate papo com BH em ciclo, Gabinetona e Yellow, live painting com Museu de Rua, feira e intervenções urbanas

Data: 17 de agosto

Encontro: 9h na Fósforo Cenografia – rua Belém, 220, Pompéia

Início do ciclo-cortejo musical: 10h30

Programação cultural: 11h30 às 18h – Rua Conselheiro Rocha, 3573, Santa Tereza

Ciclo-cortejo final: 19h

Evento gratuito

Próximas datas e regionais:

07/09 – Lagoinha

19/10 – Pampulha

Mais Informações: @ambhulantes | fb/ambhulantes


Compartilhe por aí
Sarará Gilberto Gil
Anterior
Gilberto Gil faz show de hits no Festival Sarará 2019
homodriver
Próximo
HOMO DRIVER – O poder de ser livre!
Gustavo

Relaçoes-Públicas, redator, blogueirx, ativista negro e LGBT+.

0 Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.