CinemaLGBTQIA

Filme ‘Nos Becos de São Francisco’, de Thales Corrêa, está disponível gratuitamente durante uma semana na internet

nos becos de sao francisco

Pensando em tornar o período da quarentena menos sofrido para as pessoas, o cineasta tomou a iniciativa: ‘A cultura está em todos os lugares, nós precisamos da cultura’

Até o dia 09 de abril, o público poderá conferir gratuitamente o filme “Nos Becos de São Francisco”, do cineasta Thales Corrêa, uma comédia ousada sobre o universo LGBTQ que traz a história de Leo, um brasileiro que reúne um grupo de amigos para buscar, nas frenéticas noites de São Francisco, uma pessoa que conheceu em um site de relacionamentos gay. Lançado em setembro nos Estados Unidos, o longa ocupou o primeiro lugar entre os mais vendidos da TLA Video Store (loja online de conteúdo audiovisual) e o quinto lugar da Amazon.

“Muitas pessoas dizem que com a crise que virá como consequência do coronavírus, o entretenimento e a cultura serão as primeiras coisas cortadas do orçamento das famílias. Mas acho importante que nós do segmento de cultura, mostremos o quanto ela está presente em tudo na vida. Afinal, com mais tempo livre dentro de casa, quem não vê um filme, ouve música, vê uma série? A cultura está em todos os lugares, nós precisamos da cultura”, conta o diretor.
nos becos de sao francisco
Nascido em Minas Gerais, Thales vive há dez anos em Los Angeles, onde frequentou a Escola de Cinema da UCLA. Projetos que variam entre filmes, videoclipes e episódios para a TV integram seu extenso e premiado currículo sendo inclusive seus dois últimos curtas-metragens, “Parents” e “Milvio”, exibidos no Festival de Cannes, um dos principais festivais de cinema do mundo.

Você pode conferir gratuitamente “Nos Becos de São Francisco” no período do dia 02 a 09 de abril. Após esta data o longa continuará disponível no Now, serviço de Streaming e On Demand da Net.

Nos Becos de São Francisco

Lançado primeiro nos Estados Unidos, o longa-metragem sob roteiro, direção e atuação de Thales Corrêa é um filme que trata de forma bem-humorada uma dinâmica comum entre a comunidade LGBTQ, de acordo com o diretor. Em “Nos Becos de São Francisco”, Thales vive Leo, um brasileiro que reúne um grupo de amigos para buscar, nas frenéticas noites de São Francisco, uma pessoa que ele conheceu em um site de relacionamentos gay. A produção tem como colorista o renomado Edo Brizio (Kong: Ilha da Caveira, Lego Batman) e o produtor de música e DJ Same K.
nos becos de sao francisco
A ideia do filme partiu de uma conversa com Izzy Palazzini (que também compõe o elenco). Ambos brasileiros, imigrantes e gays, quiseram produzir algo que mostrasse de certa forma a realidade, com conflitos internos e externos que os amigos passavam por escolher determinado estilo de vida. “A ideia era sobre ficar vulnerável e se expor. O filme se trata de aprender a ouvir sua intuição”, conta.
Repleto de sinceridade e com a produção de excelência garantida por Thales, “Nos Becos de São Francisco” ganhou diversas premiações, sendo elas: Prêmio da Audiência (Audience Award) da qFlix Philadelphia, Melhor Filme LGBTQ+, da IFS Los Angeles Film Festival e Melhor Primeiro Filme, da QCinema – Texas.
Além disso, concorreu a 5 diferentes premiações, sendo elas Melhor Filme do Festival, IFS Los Angeles Film Festival; Seleção Oficial – San Francisco Latino Film Festival; Seleção Oficial – Outflix – Tennessee; Seleção Oficial – Blow-up International Film Festival – Chicago e é semifinalista no jellyFEST – Los Angeles
About author

Articles

Relaçoes-Públicas, redator, blogueirx, ativista negro e LGBT+.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.